Gestão da Kiriri FM em debate

DSCF9819

Solucionar dúvidas, apontar soluções e planejar novas atividades. Com esses  objetivos, aconteceu na tarde desta quarta-feira (26/02), uma reunião entre os integrantes do projeto Rádio Kiriri e as lideranças da aldeia e da  Associação Comunitária Kiriri da Aldeia Mirandela – ACKAM.
Durante o encontro, todos os presentes manifestaram a felicidade pela  retomada das transmissões da Kiriri FM e pela realização de mais um ciclo  de formação com os parentes da Aldeia. Para Marcelo, cacique da Aldeia, a  retomada das transmissões é de fundamental importância, já que reativa a  possibilidade de uma comunicação mais ampliada entre os moradores da aldeia  e das comunidades vizinhas, que também recebem o sinal da rádio.
Além de avaliar as atividades que vem sendo desenvolvidas ao longo dos dois  últimos anos, período em que a rádio opera na aldeia, a reunião serviu  ainda para delinear os novos passos que devem ser seguidos para a  consolidação da rádio e a realização de novas formações. Para o cacique Marcelo, é fundamental que de agora para frente a gestão  seja ainda mais compartilhada entre a equipe do projeto e as lideranças da  comunidade visando um melhor funcionamento e harmonia entre os projetos e as necessidades da aldeia. Entre os pontos elencados estão a reforma das  instalações da rádio, a remuneração da equipe responsável pelo funcionamento diário e a constante atualização dos equipamentos de produção e transmisssão.
A reunião fez parte da programação do 1º ciclo de formação do projeto Rádio  Kiriri que acontece de 23/02 a 01/03 na Aldeia Mirandela, município de Banzaê, na região Norte da Bahia. O projeto conta com o apoio da Assessoria
de Culturas Digitais da Secretaria de Cultura da Bahia (SecultBA), por meio  do Edital de Culturas Digitais, selecionado pelo Fundo de Cultura da Bahia.

Anúncios